quinta-feira, 22 de julho de 2010

Coração de Mãe

Pelo exercício do amor
Seu coração vai crescendo,

Sempre amparando e acolhendo
Quem precisa de carinho:
Em todos vê seu valor,
Com todos ela se importa,
E os amigos que ela adota
Nunca se sentem sozinhos;
Porque mãe é mãe de sobra:

Nunca termina sua obra,
Não descansa e não pára por motivo algum.
E os filhos que a vida traz

Ela nunca acha demais:
No coração de mãe sempre cabe mais um.


Ederson Peka - 08/05/2007

Achei essa poesia hoje em um site e resolvi publicá-la aqui no meu tão abandonado blog.
Ela tem tudo a ver comigo e com o blog, por isso veio parar aqui.

Nenhum comentário: