Ditadura da Cor de Rosa

Li um texto muito interessante, da Mirian Goldemberg, hoje no suplemento Equilíbrio, da Folha de São Paulo e quero compartilhar aqui porque tem muito a ver com o que eu penso.
Ele fala sobre a ditadura da cor de rosa, ou seja, hoje todas as meninas tem roupas, brinquedos, mochilas, canetas, cadernos, etc. cor de rosa. Nenhuma outra cor tem espaço.
Já os meninos tem muito mais liberdade, eles usam qualquer cor numa boa, até o rosa.
E essa monocromia tem muito a ver com o padrão que hoje se exige da mulher, aliás, por elas mesmas...
O rosa lembra feminilidade, romantismo, fragilidade, sensibilidade, tudo que, no seu lado negativo, as mulheres de outros tempos fizeram de tudo para afastar do estereótipo da mulher.
E hoje esse estereótipo volta de uma forma muito mais negativa e cruel. As mulheres querem ser submissas, frágeis, bonitas, loiras e burras. "Modelos e atrizes".
Vou colocar aqui o link pra acessar esse texto em outro blog, porque na Folha ninguém consegue entrar.
http://sergyovitro.blogspot.com/2010/08/mirian-goldenberg-princesas-cor-de-rosa.html
Leiam, vocês vão gostar.
E vamos pensar, vamos colocar mais verde, azul, lilás, amarelo, branco e outras cores no mundo das meninas.
Elas podem ser românticas, sensíveis, bonitas, mas também podem ser fortes, inteligentes e independentes!
Vamos começar a cortar esse movimento das "mulheres-fruta", que são só um corpo sem cérebro.
Não precisamos mais queimar nossos sutiãs como nossas antepassadas, mas vamos à luta mulheres, vamos nos valorizar!

Comentários

Anônimo disse…
engraçado seu comentário...olhe pro seu blogg...tem pouco rosa não?

Postagens mais visitadas deste blog

É "Pochiuccio" !!!!!

Começando a acertar minhas contas